2016 abr 18

 

blog1

Que a tecnologia tem trazido soluções práticas e funcionais para a indústria, nós sabemos. Mas de que forma ela pode contribuir para a usinagem? Seria uma solução ou uma objeção? Esse é o assunto que vamos abordar hoje, falando um pouco mais sobre a recente tecnologia de Impressão 3D e seu reflexo na usinagem.

A Impressão 3D surgiu em 1984, a primeira impressão 3D funcionando a pleno vapor foi inventada por Chuck Hull, um norte-americano do estado da Califórnia, em 1984, utilizando a estereolitografia, tecnologia precursora da impressão 3D. Hull já havia desenvolvido um ano antes a tecnologia do que viria a ser a máquina, quando ela tinha duas funções principais, sendo uma delas a criação de lâmpadas para solidificação de resinas, primeiro objeto criado pela ferramenta.

Os objetos são os mais variados possíveis, e os modelos de impressoras também. Quanto aos materiais utilizados, temos plásticos, metais, borracha, areia, açúcar, tecidos humanos, entre outros. Essa variedade mostra como um equipamento tecnológico versátil pode ser útil em vários setores da economia. Na área da saúde, por exemplo, já foram impressas diversas próteses e, em construção civil, foram apresentados projetos de casas com curto prazo para serem construídas.

blog1b

A tecnologia de Impressão 3D não veio para substituir equipamentos, ferramentas ou até mesmo profissionais da área; ela veio para agregar. É um processo alternativo que pode facilitar etapas da usinagem.

O tempo de impressão pode variar de poucos minutos a muitas horas, dependendo do tamanho do objeto, da definição e da complexidade do mesmo. Na usinagem, as impressões 3D são usadas para validar projetos e processos, já que, atualmente, não são recomendadas para alta produção, apenas para lotes-piloto ou peças personalizadas com baixo volume de produção. Conforme foi feito com esses protótipos de nossos perfis.

A grande contribuição da tecnologia 3D nos processos de usinagem é a possibilidade de tornar real um modelo de peça a ser usinada ou fixada, um dos grandes desafios na fabricação de peças com alto grau de complexidade, em especial para análise de ferramentas e dispositivos de fixação. Com a impressão 3D, podemos produzir a peça em modelo real com todos os detalhes e, mais uma vez, a “mágica em 3D” ajuda na fabricação de novos produtos.

blog1a

Dada a sua colaboração para os processos de usinagem, a tecnologia 3D continua evoluindo e mostrando ao mundo novas possibilidades. Cabe a nós aproveitar as facilidades que essas inovações podem trazer para a nossa rotina e entender que, apesar de surpreendentes, nada substitui o cuidado, a competência e a experiência de um bom profissional.

blog1c

A Weiku sempre na frente acompanhado as tecnologias do mercado.

(Design e impressão dos perfis Weiku: Julius Kilian)

Deixe seu comentário